IA Generativa (ChatGPT) e Inovação Jurídica

·

banner-do-episodios-sobre-ia-generativa

O podcast Falando Direito contou com uma série de três episódios especiais em 2023, abrindo os trabalhos com o tema “IA Generativa (ChatGPT) e Inovação Jurídica”.

Na ocasião, os professores Rony Vainzof e Danielle Serafino, do curso de pós-graduação em Direito Digital, conversaram sobre diversos aspectos relacionados às novas tecnologias de Inteligência Artificial pelo viés jurídico.

IA Generativa e Direito

O episódio começa com uma explicação sobre o que é a IA generativa e como ela pode ser aplicada no campo jurídico.

A IA generativa é uma tecnologia que utiliza algoritmos para criar conteúdo de forma autônoma, sem a necessidade de intervenção humana.

No contexto jurídico, essa tecnologia pode ser utilizada para criar contratos, petições e outros documentos jurídicos de forma mais rápida e eficiente.

Chatbots

Em seguida, os professores discutem as vantagens e desvantagens do uso de chatbots no atendimento jurídico. Os chatbots são programas de computador que utilizam a IA generativa para simular uma conversa humana.

No âmbito jurídico, eles podem ser utilizados para responder dúvidas simples dos clientes, agendar consultas e até mesmo realizar mediação de conflitos.

frase-retirada-dp-episodio-sobre-ia-generativa

Ética

Rony e Danielle também abordam as questões éticas e regulatórias relacionadas ao uso de chatbots no âmbito jurídico. Eles destacam a importância de garantir a privacidade dos dados dos clientes e de seguir as normas éticas da profissão.

Além disso, eles ressaltam a importância de treinar os chatbots de forma adequada para evitar erros e garantir a qualidade do atendimento.

Inovação jurídica

Outro ponto discutido no especial é a importância da inovação jurídica para a profissão de advogado. A tecnologia está mudando a forma como os serviços jurídicos são prestados e que os advogados precisam se adaptar a essas mudanças para se manterem competitivos no mercado.

Dicas

Por fim, os professores apresentam algumas dicas para os advogados que desejam utilizar chatbots em seus escritórios, destacando a importância de escolher uma plataforma confiável e de treinar os chatbots de forma adequada.

Além disso, eles ressaltam a importância de monitorar o desempenho dos chatbots e de realizar ajustes quando necessário.

Conclusão

Em resumo, o primeiro episódio da série especial do podcast Falando Direito, com o tema “IA Generativa (ChatGPT) e Inovação Jurídica” é um material valioso para advogados e profissionais do direito que desejam se atualizar sobre as tendências e inovações no campo jurídico.

O programa apresenta informações relevantes sobre a IA generativa e o uso de chatbots no atendimento jurídico, além de discutir as questões éticas e regulatórias relacionadas ao tema.

Os professores convidados também destacam a importância da inovação jurídica para a profissão de advogado e apresentam dicas práticas para aqueles que desejam utilizar chatbots em seus escritórios.

Participantes

O professor Rony Vainzof é sócio do Opice Blum, Bruno e Vainzof Advogados Associados e uma das grandes referências nacionais em Direito Digital.

A professora Danielle Serafino é especialista em Direito Tributário e em Contratos Empresariais; autora do livro “Imunidade dos Livros Eletrônicos” e co-autora do livro Manual de Direito Eletrônico e Internet”.


Para saber mais sobre a Pós-Graduação em Direito Digital e fazer sua inscrição, acesse:
– Presencial

– Online

Quer ver mais conteúdos sobre o meio jurídico? Siga acompanhando o blog da EPD.

Acesse o episódio especial 1 completo pelos nossos canais do YouTube e do Spotify.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *