Direito Administrativo: tudo sobre essa importante área Jurídica

·

direito-administrativo
imagem-represntando-o-direito-administrativo

O Direito Administrativo é uma área do direito público que desempenha um papel fundamental na organização e funcionamento do Estado. É o ramo que regula as atividades da administração pública e as relações entre os órgãos estatais e os cidadãos. Neste artigo, explicar de forma simples sobre o  Direito Administrativo, quais suas origens, seus princípios fundamentais, sua importância na sociedade contemporânea e sobre o curso de pós-graduação na área.

Origem e evolução do Direito Administrativo

O Direito Administrativo tem raízes na história do pensamento jurídico. Suas origens remontam ao direito romano, quando o Estado romano estabeleceu uma máquina administrativa para gerenciar  territórios. No entanto, a consolidação do Direito Administrativo como um ramo independente do direito ocorreu mais tarde, principalmente na França do século XIX.

O Direito Administrativo vem evoluindo constantemente para se adaptar às mudanças na sociedade e nas administrações públicas. Hoje, é uma área complexa e multifacetada que lida com questões que vão desde licitações públicas até a responsabilidade do Estado por danos causados aos cidadãos, por exemplo.

Princípios fundamentais do Direito Administrativo

O Direito Administrativo é regido por diversos princípios fundamentais que garantem a legalidade, a imparcialidade e a transparência na atuação do Estado. Alguns dos princípios mais importantes são:

  • Princípio da Legalidade: A administração pública só pode agir dentro dos limites da lei, respeitando os direitos e deveres estabelecidos pela legislação.
  • Princípio da Impessoalidade: A administração deve tratar todos os cidadãos de forma igual, sem discriminações ou favorecimentos injustificados.
  • Princípio da Moralidade: Os atos administrativos devem ser pautados por padrões éticos e morais elevados.
  • Princípio da Publicidade: As ações do Estado devem ser transparentes e acessíveis ao público, a menos que haja um motivo legítimo para a confidencialidade.
  • Princípio da Eficiência: A administração pública deve buscar a eficiência na prestação de serviços e no uso de recursos públicos.
  • Princípio da Motivação: As decisões administrativas devem ser fundamentadas e justificadas, de modo a possibilitar o controle judicial e a fiscalização.

Importância na Sociedade Contemporânea

O Direito Administrativo desempenha um papel importante e significativo na sociedade contemporânea por várias razões como:

  • Proteção dos Direitos dos Cidadãos: Ele garante que os cidadãos sejam protegidos contra abusos e excessos por parte do Estado, assegurando que os princípios fundamentais sejam respeitados.
  • Promoção da Eficiência na Administração Pública: O Direito Administrativo incentiva a gestão eficiente dos recursos públicos e a prestação de serviços de qualidade aos cidadãos.
  • Fomento à Transparência e Accountability: A ênfase na publicidade e na motivação das decisões administrativas promove a responsabilização dos agentes públicos perante a sociedade.
  • Regulação de Setores Estratégicos: Regula áreas essenciais, como saúde, educação, segurança pública e meio ambiente, garantindo que o Estado atue de forma a atender ao interesse público.
  • Promoção do Estado de Direito: O Direito Administrativo é essencial para a consolidação do Estado de Direito, no qual o poder do Estado é limitado e controlado pelo sistema jurídico.

Finalizando…

O Direito Administrativo desempenha um papel vital na estrutura jurídica de qualquer nação. Ele estabelece as regras que governam a administração pública, protege os direitos dos cidadãos e promove a transparência e a eficiência na atuação do Estado. Em um mundo em constante evolução, o Direito Administrativo continua a se adaptar e desempenhar um papel fundamental na construção de sociedades justas e democráticas. Portanto, é fundamental compreender e valorizar essa importante área jurídica em nossa busca por uma administração pública mais eficaz e responsável.

Quer se especializar?

A EPD, instituição de renome na área jurídica e nota 5 no MEC, oferece a pós-graduação em Direito Constitucional e Administrativo na modalidade online.

O curso, sem perder a abordagem teórica, destina-se a qualificar o público alvo aos aspectos práticos de ações constitucionais, medidas correcionais em órgãos de controle e em relação a processos e procedimentos administrativos, qualificando os profissionais a atuarem de múltiplas formas, tanto na esfera pública ou privada, bem como na atividade de assessoramento de autoridades políticas. O corpo docente é formado, exclusivamente, por professores que atuam de forma prática nos processos e procedimentos relacionados às suas disciplinas, sendo formado por profissionais de cultura interdisciplinar, com a presença de juízes federais, desembargadores, advogados e procuradores.

A coordenação do curso é do professor Tacilio Alves Silva Schenferd e a matriz curricular é composta por 12 disciplinas curriculares mais 2 extracurriculares.

Para conhecer melhor o curso e a matriz curricular, acesse o site da EPD

Se você quer se especializar na área, esse é o curso para você.

E para se manter sempre atualizado continue acompanhando o blog da EPD..


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo